terça-feira, 3 de julho de 2007

MADREDEUS, HAJA O QUE HOUVER


Provavelmente a mais bela balada portuguesa!

Letra e música: Pedro Ayres Magalhães (1997)

Haja o que houver eu estou aqui
Haja o que houver espero por ti
Volta no vento ó meu amor
Volta depressa por favor
Há quanto tempo já esqueci
Porque fiquei longe de ti
Cada momento é pior
Volta no vento por favor

Eu sei, eu sei quem és para mim
Haja o que houver volta para mim


1 comentário:

Renato disse...

Tem certeza? É tão difícil escolher a melhor! Para mim Madredeus é o que há de melhor na língua portuguesa.